Gaudete

Alegra-te, o Senhor está contigo

Tudo o que você precisa saber sobre o que comer na Quarta-feira de Cinzas

A Quarta-feira de Cinzas marca o início da Quaresma. É um tempo de penitência, oração e reflexão. Na quarta-feira após o carnaval, os católicos participam da Missa de Cinzas, na qual recebem as cinzas na testa como sinal de humildade e arrependimento.

Vale destacar que a Quaresma é tempo de renovação espiritual e de compromisso com o amor e a caridade. Somos convidados a viver a oração, o jejum e a esmola.

Isso porque a Quaresma é o caminho de preparação para celebrar a Páscoa, a festa da vida e da ressurreição de Jesus.

Mas a dúvida que sempre aparece é sobre o que os católicos devem ou não comer na Quarta-feira de Cinzas?

Não se preocupe, nós estamos aqui para te ajudar.

Tradicionalmente, os católicos evitam carne vermelha na Quarta-feira de Cinzas, pois o dia marca o início da Quaresma, período de reflexão e penitência.

No entanto, a tradição católica também sugere que seja feito um jejum parcial, o que significa que se deve fazer apenas uma refeição completa durante o dia.

Mas o que podemos comer? Muitas pessoas fazem a opção de comer peixe, frutos do mar ou vegetais no lugar da carne vermelha.

No entanto, é importante lembrar ainda que a orientação sobre a alimentação na Quarta-feira de Cinzas pode variar de acordo com a diocese ou paróquia.

Além de evitar carne vermelha, os fiéis são encorajados a escolher alimentos simples e leves. Isso reflete o espírito de penitência e reflexão da Quaresma, além de ajudar a preparar o corpo para o jejum e a abstinência dos próximos 40 dias.

Leia também: Papa Francisco lança mensagem emocionante para Quaresma de 2023

SEGUE O GAUDETE:

TWITTER

Breno Barros

Breno Barros

Breno Barros é jornalista. Editor do portal Gaudete e conta com experiências em coberturas jornalísticas nos principais eventos esportivos mundiais, sendo três edições dos Jogos Olímpicos (Londres, Rio e Tóquio), duas Olimpíadas da Juventude (China e Argentina). Membro Consagrado da Comunidade Colo de Deus.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Voltar ao topo